Campanha de Multivacinação prossegue nas Escolas Municipais

Ação organizada pelo Programa Saúde na Escola (PSE) acontece por meio de parceria entre a Secretaria de Saúde e de Educação

Foto: Divulgação / Seduct


Por meio do Programa Saúde na Escola (PSE), a Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) e a Secretaria Municipal de Saúde estão promovendo a Campanha de Multivacinação nas Escolas Municipais. De acordo com o secretário de Educação, Marcelo Feres, a Campanha visa promover a busca ativa de crianças e adolescentes para atualização da caderneta de vacinação.


“Nesta sexta-feira (05), a ação aconteceu na Escola Municipal Pequeno Jornaleiro, no Centro, que atende 378 alunos. Quinta-feira (04), foram contemplados 924 crianças e adolescentes da Escola Municipal Professora Eunícia Ferreira da Silva, Parque Santa Rosa. E na quarta-feira (03), outros 688 estudantes do CIEP Custódio Siqueira, Calabouço”, destacou o secretário.

Segundo a coordenadora do PSE, Cátia Mello, na terça-feira (09), serão contemplados os 962 estudantes da Escola Lídia Leitão, do Parque Cidade Luz. Quinta-feira (11), será atendida a Escola 29 de Maio, Pecuária, com 835 alunos. Já na sexta-feira (12), o PSE vai beneficiar as crianças da Escola Frederico Paes Barbosa, no Parque Novo Mundo, com 958 alunos.

Para a coordenadora, o serviço possibilita o envolvimento das famílias e da comunidade, que estão sendo sensibilizadas sobre a importância de manter as cadernetas de vacinação em dia. “A vacinação é a melhor forma de prevenção a doenças e foi responsável por erradicar várias enfermidades. Iniciamos o planejamento por estas unidades que já estão atuando na modalidade de ensino híbrido, mas este trabalho será ampliado para outras unidades escolares posteriormente”, adiantou Catia.

Para explicar como funciona a Campanha, o PSE promoveu um webinário com o infectologista e diretor de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde, Rodrigo Carneiro. Assista AQUI.


“A Campanha nos permite atualizar os cartões de vacinação de crianças e adolescentes que sofreram atrasos importantes em virtude das restrições impostas pela pandemia. As pessoas, de um modo geral, diminuíram muito a procura pelos serviços de saúde neste período. Em Campos, estamos com uma campanha contínua que visa vacinar a população para todas as doenças preveníveis por vacina, através do Programa Nacional de Imunização (PNI), e uma das estratégias adotadas pela Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com Seduct, é a busca ativa dessas crianças em ambiente escolar”, explicou.


Marcelo comentou ainda que Saúde e educação devem caminhar juntas. “Entendemos que nossos alunos precisam ser olhados de forma mais ampla, em todas as suas necessidades. Por isso valorizamos os cuidados e o bem-estar de todos da nossa comunidade escolar. Não há progresso educacional se a saúde não vai bem e se não damos o suporte integral aos estudantes. Por isso, também estamos garantindo, além disso, kits de alimentação escolar para todos os alunos da rede; estamos implantando o Programa Nacional Família na Escola, de forma pioneira; implantamos o polo de testagem para a Covid-19 para profissionais da educação e alunos; dentre várias outras medidas, de modo a contribuir com o sucesso do ensino-aprendizagem”, afirmou.


Confira as demais datas previstas no cronograma:

16/11 - Escola Albertina Azeredo Venancio - Travessão - 928 alunos

18/11 - Escola Augusto Machado Vianna - Codin - 459 alunos

23/11 - Escola Manoel Ribeiro do Nascimento - Tapera - 556 alunos

25/11 - Escola Amaro Prata Tavares - Centro - 502 alunos

Escolas atendidas em outubro:

25/10 - EM Branca Peçanha Ferreira, Eldorado - 1025 alunos

26/10 - EM Dr. Getúlio Vargas, Tocos – 639 alunos

27/10 - CIEP Wilson Batista, Parque Guarus – 1452

28/10 - EM Frederico Paes Barbosa, Parque Novo Mundo – 958 alunos

29/10 - EM Prisco de Almeida, Calabouço – 364 alunos


Reportagem: Kamilla Uhl

12 visualizações