Campos tem inscrição aprovada no edital Selo Município Amigo da Família




Graças ao trabalho de excelência realizado pela Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia, Campos dos Goytacazes teve aprovada a inscrição ao edital de adesão ao Selo Município Amigo da Família (SMAF). Trata-se de uma certificação concedida pela Secretaria Nacional da Família, ligado ao Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, que reconhece e dá publicidade em nível nacional aos municípios brasileiros que adotem políticas públicas familiares, de forma transversal e subsidiária, para fortalecer os vínculos familiares e promover os direitos e a proteção social das famílias residentes em seu território.


Campos foi pioneira na implantação do Programa Família na Escola em todo o país. O prefeito Wladimir Garotinho e a secretária Nacional da Família, Ângela Gandra, lançaram-no, oficialmente, em outubro do ano passado. Voltado aos profissionais de educação e famílias de crianças matriculadas na Educação Infantil e no Ensino Fundamental - anos iniciais, o programa visa promover a parceria entre a família e a escola, por meio de ações conjuntas de formação das habilidades parentais, de incentivo ao acompanhamento das atividades escolares dos filhos e de garantia dos direitos da criança, com foco no fortalecimento dos vínculos familiares e no desenvolvimento integral da criança.


O secretário de Educação, Ciência e Tecnologia, Marcelo Feres, entregou 31 certificados às famílias que concluíram cursos do projeto “Família na Escola” na semana passada, no Ciep Custódio Siqueira, em Guarus. O projeto é desenvolvido em Campos pelo Programa Saúde na Escola (PSE). Os certificados foram assinados também pelo prefeito Wladimir Garotinho.


“Esse projeto resgata o olhar da família e promove a interlocução da família e da população com o poder público. Inserir as famílias nesse acompanhamento é um grande passo e vamos colher excelentes frutos dessa intersetorialidade”, disse Marcelo.


A assessora técnica da Seduct, Catia Mello, mediadora do projeto, falou sobre a novidade. "Família na Escola sem sombra de dúvidas veio para ficar e o nosso município ser pioneiro na implantação deste Programa, por meio do Acordo de Cooperação Técnica é motivo de muito orgulho e profunda alegria. Ter nossa inscrição aprovada para o edital do Selo Município Amigo da Família só demonstra que estamos no caminho certo”.


Mãe de um aluno do CIEP Custódio Siqueira, Marilucia de Araújo elogiou o trabalho. "É uma terapia. Foi muito bom. E como a gente não consegue pagar por um psicólogo, o projeto foi fundamental para melhorar o emocional", ressaltou.


O coordenador do PSE, João Paulo de Oliveira, ressaltou a importância do Família na Escola. “É de grande importância para a Educação essa integração entre família e escola. É um processo em que todos saem ganhando. A aproximação dos responsáveis e da escola possibilita o aumento na qualidade das ações com as crianças, bem como, fortalece o vínculo e o respeito mútuo, tornando parceiros os responsáveis por esta educação”, disse João.

14 visualizações