top of page

Clube da Terceira Idade com inscrições para EJA exclusivo para idosos




Nunca é tarde para aprender. A partir dessa ideia que a Subsecretaria de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, em parceria com a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, abriu duas turmas da Educação de Jovens e Adultos (EJA), exclusiva para os idosos, por meio do projeto “Alfabetizando a Terceira Idade”. As inscrições estão abertas, de segunda à sexta-feira, das 9h às 16h, no Clube da Terceira Idade, no Parque Tamandaré, bairro da Escola Municipal Ferroviário Jacy da Silva onde serão realizadas as aulas no turno da tarde.

“Nós fizemos essa parceria com a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, buscando uma turma exclusiva para os idosos, porque nós identificamos que muitos ficam tímidos com um público mais novo. Então tivemos essa ideia para que eles possam aprender e, assim, serem mais incluídos na sociedade. As aulas também vão melhorar a autoestima deles e fortalecer os vínculos”, declarou Rosilani Tavares, subsecretária da pasta.


Coordenador da Terceira Idade, Carlos Augusto é idealizador do projeto e conta que a ideia surgiu quando um assistido disse que não sabia escrever seu nome. “Eu fui entregar um exame de sangue a um idoso nosso e, quando pedi para ele assinar o documento, ele disse que não sabia escrever e que o sonho dele é poder saber assinar seu próprio nome”, comentou.


A gerente de Projetos e Programas da pasta, Mariana Campos, também falou sobre a iniciativa: “Nossa direção sempre com um olhar muito sensível à causa dos idosos. E com uma relação muito próxima, começamos a perceber que muitos frequentadores dos equipamentos são analfabetos, o que nos entristece, já que muitos não tiveram oportunidades quando mais jovens por diversos motivos”.

A alfabetização da pessoa idosa é diferente da alfabetização infantil, porque a gente parte do conhecimento adquirido por ela durante a vida. O idoso já tem uma bagagem, então, a gente aproveita esse conhecimento”, afirma a diretora da unidade de ensino, Adriana Martins.


13 visualizações

Comentarios


bottom of page