top of page

Comunidade escolar participa da votação para escolha dos novos gestores





Votação ocorre até esta quinta-feira e o resultado do gabarito do exame de qualificação foi liberado nesta quarta-feira pela Ucam.




A comunidade escolar está participando ativamente do processo eleitoral para escolha dos gestores das escolas e creches da rede municipal de ensino. A votação para definir diretores e vice-diretores para o biênio fevereiro/2023 a fevereiro/2025 teve início nesta quarta-feira (7) e prossegue até quinta-feira (8) às 13h nas próprias unidades. O secretário municipal de Educação, Ciência e Tecnologia, Marcelo Feres, e a subsecretária da pasta, Rita Abreu, acompanharam de perto as ações neste primeiro dia, visitando várias unidades.


“As urnas que estão sendo utilizadas pelos pais de alunos durante a votação foram cedidas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RJ). A publicação do resultado final após apuração será feita no Diário Oficial do município dia 19 de dezembro. O período de transição dos gestores vai de 02 de janeiro a 31 de janeiro de 2023 e a posse dos diretores e vice-diretores eleitos acontecerá em 01 de fevereiro de 2023”, informou o secretário.






Rita lembrou que, no caso dos servidores da Educação, a votação acontece de forma online, pelo email institucional. “O eleitor da comunidade interna que identificar qualquer intercorrência no sistema de votação poderá registrar a mesma no formulário do Portal do Programa de Aprendizagem Eficiente (PAE). Em seguida, deverá aguardar o contato da Comissão Eleitoral Geral pelo whatsapp informado no formulário. Após análise do registro, a Comissão emitirá o parecer e informará como proceder”, explicou Rita.





Mãe de aluno do Ciep Maestro Vila Lobos, em Guarus, Sheila Rangel Pereira fez questão de participar. “É muito importante que outros pais venham exercer seu direito à cidadania. Peço que também venham até a escola votar, pois isso representa um ganho para unidade e toda a comunidade. A escola não funciona sem os diretores, assim como o pessoal de apoio, educadores, equipe de limpeza e merendeiras. Precisamos que os pais venham para ajudar a escolher a melhor direção para nossa escola, pois queremos o melhor para nossos filhos. A escola sozinha não pode fazer nada pelos nossos filhos; os pais têm caminhar junto para garantir o melhor atendimento”, disse.


Aldemir da Silva, pai de aluno do Colégio 29 de Maio, na Pecuária, também comentou. "É muito importante essa escolha porque a gente tem a oportunidade de optar pela pessoa que vai lutar por melhorias para a escola". Da mesma unidade, Priscila Nascimento, dona de casa, acrescentou: "Eu acho esse processo muito bom porque é a chance que temos de ajudar no crescimento da escola".



Gisele de Barros, vendedora, completou: “Eu sempre faço questão de participar de tudo que acontece e, na eleição, não poderia ser diferente. É a oportunidade de escolher a pessoa que mais se identifica com nossa comunidade escolar".


GABARITO DO EXAME


No último domingo (4), aconteceu a aplicação do exame de qualificação e de certificação em gestão escolar dos candidatos ao processo de eleição de diretores e vice-diretores escolares, na Universidade Cândido Mendes, de acordo com a coordenadora da Comissão Eleitoral Geral, Juliana Queiroga. O gabarito foi liberado pela Ucam nesta quarta-feira (7). Acesse aqui.


“Quem desejar apresentar recursos quanto ao resultado do gabarito do exame de qualificação, deve enviar um email para comissaoeleicao22@edu.campos.rj.gov.br É importante que os candidatos acompanhem, diariamente, o Diário Oficial do município e o Portal do Programa de Aprendizagem Eficiente, onde estão sendo divulgados os comunicados deste processo, para que ninguém perca nenhum aviso importante”, destacou Juliana.


O secretário afirmou, ainda, que a organização e as normas deste edital evidenciam como a Secretaria de Educação está pensando e trabalhando, não mais de forma amadora como acontecia antes de 2021. Órgãos como o Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do Estado do Rio de Janeiro (SEPE) participaram de todas as etapas deste processo, desde a formulação do edital, pois têm uma cadeira na Comissão Geral Eleitoral. Além disso, todas as etapas foram amplamente divulgadas e publicadas no Diário Oficial do Município.


“Os critérios de Campos seguem os parâmetros da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) seguindo, portanto, o padrão nacional e garantindo um processo técnico, transparente e democrático. No entanto, a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia foi além, incluindo nas exigências, ainda, três anos de experiência no Magistério, além dos demais critérios de formação. As exigências quanto à formação dos gestores, por exemplo, para concorrerem ao cargo, visam proporcionar um crescimento qualitativo na educação municipal”, detalhou Marcelo.




235 visualizações

Comments


bottom of page