top of page

CPPG reconhece avanços na educação municipal


De forma virtual, a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) realizou, na manhã desta quarta-feira (21), a última reunião do Comitê Permanente de Planejamento e Gestão (CPPG) deste ano. Participaram do encontro, o secretário da pasta, Marcelo Feres; a subsecretária Rita Abreu; o subsecretário de Gestão Orçamentária, Nilo Manhãs; a assessora técnica, Catia Mello, e diretores da Rede Pública de Ensino.

Na reunião, Marcelo Feres agradeceu pelo esforço e dedicação de todos neste ano e anunciou que, em 2023, a ideia é que seja feito um esforço para que alunos do Ensino Fundamental Anos Finais possam estudar em tempo integral. Ele reforçou o objetivo de aprimorar o processo de ensino-aprendizagem desses estudantes, já que, segundo ele, os alunos do 4º ano de escolaridade foram alguns dos mais prejudicados durante a pandemia.

“Nós temos lidado com infrequência desses estudantes e nossa ideia é recuperar as perdas que essa clientela teve com a pandemia. Precisamos trabalhar para fortalecer nesse sentido e o ensino em tempo integral é o caminho que a educação brasileira está tomando. Vamos pensar juntos para viabilizar esse projeto. Temos que sonhar juntos para colocar em prática os objetivos. Acreditamos que 2023 vai ser o ano da Educação de qualidade”, esclareceu o secretário.


O secretário também falou sobre a questão da eleição para diretores, realizada no início deste mês e pontuou que foi uma ação de muito trabalho, responsabilidade e compromisso e ressaltou a importância do processo democrático.


“Foi um processo importante, os gestores eleitos ou reeleitos são especialistas em Educação. E, para o ano que vem, vamos firmar parcerias para que os diretores possam continuar fazendo cursos e se aprimorando com pós-graduação e especializações. Quero ressaltar, ainda, a dimensão da tecnologia nas escolas, entregamos laboratórios de Robótica, Ciências, Matemática, Brincar&Aprender. Estamos avançando e os gestores devem estar preparados para lidar com a tecnologia em todo o seu trabalho. Estamos trabalhando no Regime Especial de Ampliação de Carga Horária Temporária (React) para a implantação do Sistema Unificado de Administração Pública (Suap) visando à implantação da informatização em todo o sistema e vamos avançar ainda mais”.

O trabalho da Seduct foi aplaudido pelo diretor da Escola Municipal Getúlio Vargas, Luiz Augusto Bernardo de Souza, que ressaltou a gestão do secretário e sua luta pela implantação de uma Educação de qualidade no município.

“Quero agradecer pela garra e comprometimento conosco durante todo o ano. Sem dúvida alguma, a luta é uma das marcas do secretário que esteve durante todo o ano visitando as escolas, em vários lugares. Dessa forma, tanto os gestores quanto os professores, nos sentimos valorizados e isso reflete na educação como um todo”, disse o diretor.


Para o secretário, o CPPG está se consolidando. "Estamos no segundo ano, podemos e devemos ser muito mais representativos, apresentando com pautas, objetividade, convergência e divergências, encaminhamento de proposições. Fechamos este ano com a questão das letrinhas em andamento, processo seletivo em curso, salário ajustado ao piso nacional, laboratórios entregues, inauguração do consultório odontológico dos servidores, etc. Avançamos bastante e ainda avançaremos mais no próximo ano, finalizou Marcelo.


O comitê tem como objetivo o planejamento anual de ações e a gestão democrática para o desenvolvimento da rede municipal de ensino, contribuindo com as ações da secretaria visando a integração do grupo de gestores que representam a rede. Ao todo, são 36 membros que ajudam a Seduct a pensar a educação, por meio de um processo de construção colaborativa.


112 visualizações

Comments


bottom of page