top of page

Dia Mundial de Conscientização do Autismo lembrado na Cidade da Criança




O Dia Mundial de Conscientização do Autismo foi comemorado de forma lúdica e divertida nesta terça-feira (2) na Cidade da Criança Zilda Arns. Durante toda a manhã, crianças típicas e atípicas puderam participar de brincadeiras como pintura, quebra-cabeça e desenhos. Já os adultos puderam conhecer melhor o trabalho desenvolvido em instituições como Associação de Proteção e Orientação aos Excepcionais (Apoe), Associação de Pais e Pessoas Especiais (Apape) e Associação de Pais, Amigos dos Excepcionais (Apae).


A primeira-dama Tassiana Oliveira participou da ação, no espaço que integra serviços das Secretarias de Educação, Ciência e Tecnologia e Saúde. O evento também contou com a presença do secretário de Educação, Marcelo Feres.





“É uma data importante, assim como esse espaço que, ao integrar áreas com diferentes tipos de atenção, promove, ao mesmo tempo, mais saúde e inclusão de crianças típicas e atípicas do nosso município. O governo Wladimir, desde o início, trabalha para que a inclusão seja a regra e não a exceção e estamos felizes que ver ações como essa acontecendo, reunindo mais de 500 crianças e seus responsáveis, que estão tendo a assistência de que necessitam e a atenção que merecem”, comentou Tassiana, que brincou, cantou e dançou com as crianças. 




 O secretário de Educação também enfatizou a integração entre a Seduct e a Secretaria de Saúde e falou que esse é um dia muito especial, de conscientização. “A Cidade da Criança foi criada com esse propósito, de ajudar na conscientização e valorizar os pais e responsáveis de crianças típicas e atípicas, ajudando no processo de ensino-aprendizagem, socialização e integração, um espaço inclusivo e de diversidade. A gente pode observar como as crianças e as famílias estão satisfeitas. Esse é o modelo que a gente acredita para a nossa cidade, partindo aqui do exemplo da Cidade da Criança, para que todo o nosso município possa de fato se tornar presente na vida de todos”, disse Marcelo.





Diretora de Auditoria, Controle e Avaliação da Secretaria de Saúde, Bruna Araújo contou que o evento teve o objetivo de, num ambiente de brincadeira e descontração, fazer com que a população pudesse conhecer o trabalho desenvolvido e ainda discutir e falar sobre políticas públicas voltadas para pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA).


Ela citou ainda o projeto Neuroação, lançado semana passada pelo prefeito Wladimir Garotinho.


"O município está hoje com o Neuroação, que é um processo de inclusão e tratamento dessas crianças com várias secretarias unidas como Educação, Assistência Social, Esporte, para uma avaliação integral. Queremos também incentivar o Censo de Transtorno do Neurodesenvolvimento e auxiliar os pais que ainda não fizeram o cadastramento. Nessa primeira fase, de 22 a 29, vamos fazer um mutirão buscando atendimento com diagnóstico e também incentivar que façam a carteirinha que dá direito a estacionamento gratuito, transporte, prioridade em filas e atendimentos. A Cidade da Criança vai fazer esse atendimento de segunda à sexta-feira e concentrar os serviços ligados ao Neuroação para facilitar o acesso dos pais", explica Bruna. 





ATENÇÃO TOTAL 


Além da confecção da carteirinha, a Cidade da Criança vai contar ainda com uma equipe multidisciplinar, terapias, curso de capacitação dos pais e responsáveis, atividades coletivas como musicoterapia, elaboração de laudos, sendo referência de atendimento médico e especializado. Também será realizado o monitoramento da criança na rede. Todos esses serviços estão sendo estruturados.




Por Mariane Pessanha

Foto: Cesar Ferreira e Mauro Antônio

51 visualizações

Comentários


bottom of page