Educação capacita profissionais para receberem laboratórios de robótica



A Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) vai implantar, em breve, Laboratórios de Robótica nas unidades da rede municipal de ensino. A medida integra o Projeto LABMAIS, inserido no Programa de Aprendizagem Eficiente (PAE) que possui, entre suas metas, o letramento digital dos estudantes até o 5º ano de escolaridade. De acordo com o secretário da pasta, Marcelo Feres, foram adquiridos 166 Kits de robótica destinados a 46 unidades escolares que ofertam educação infantil; 84 unidades que ofertam ensino fundamental anos iniciais e a 36 unidades que ofertam ensino fundamental anos finais.

“Mais um passo importante está sendo dado rumo à inovação tecnológica na rede, com a capacitação de diretores, pedagogos e 42 professores de laboratórios. Eles estão participando de um ciclo de palestras em preparação ao recebimento dos kits de robótica, que termina em 07 de julho”, afirmou Marcelo.

As formações tiveram início em 23 de junho, com a Silvana do Roccio Zilli, formadora e coordenadora do projeto de robótica educacional na Brink Mobil. “O material que será usado em Campos vem da Alemanha - fisher technique. Campos está muito organizada e no caminho certo”, disse Silvana. Ela é graduada em Bacharelado em Ciências da Computação pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná, possui especialização em Informática na Educação; graduanda em Pedagogia e mestre em Engenharia da Produção - Mídia e Conhecimento com ênfase em Tecnologia Educacional pela Universidade Federal de Santa Catarina, cujo projeto de pesquisa foi Robótica Educacional.

“Nesta quinta-feira (30), a palestra foi ministrada pelo professor de robótica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFF), Edson Simões dos Santos. Ele é mestre em Pesquisa Operacional e Inteligência Artificial e pesquisador do Polo de Inovação de Campos. No dia 07 de julho, às 18h, a palestra será conferida pela diretora do Instituto Inovare de Macaé, Luemi Davila”, informou a coordenadora de Tecnologias e Mídias Digitais da Seduct, Anna Karina Vieira de Azevedo Oviedo.

Outros cursos disponibilizados para esses servidores são “E-mail institucional: Aplicações práticas na Gestão Escolar”, “Ferramentas de Produtividade e Colaboração” e “Workspace para professores e profissionais da Educação”.

Segundo Marcelo Feres, por meio do LABMAIS, a SEDUCT também está adquirindo 120 kits de laboratórios de Matemática e Ciências que serão destinados a 84 unidades que ofertam ensino fundamental anos iniciais, e a 36 unidades que ofertam ensino fundamental anos finais. A Secretaria também está reestruturando os laboratórios de informática já existentes na rede e, além disso, 13 escolas receberam equipamentos do projeto Janelas do Amanhã, da Petrobrás. Trata-se de um projeto que ajuda a reduzir as desigualdades na área da educação pública, que ficaram ainda mais evidentes com a pandemia de Covid-19. O projeto também inclui capacitação em parceria com a Recode, organização da sociedade civil que utiliza a informática como mecanismo de inclusão.

18 visualizações