top of page

Educação e Senai discutem inclusão de alunos da EJA em cursos de qualificação




O secretário de Educação, Ciência e Tecnologia, Marcelo Feres, participou de uma reunião, na manhã desta terça-feira (20), com representantes do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) local e do Rio de Janeiro, na sede do órgão, em Campos. O objetivo foi discutir a possibilidade de uma parceria entre para que alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) possam ser incluídos nos cursos de qualificação através de recursos do Fundeb.


Participaram da conversa a coordenadora da EJA, Greice de Souza, e a diretora de Relações Institucionais da Seduct,Ludmila da Matta. Durante a reunião foi mostrada a estrutura da Firjan (que engloba Sesi, Senai, IEL e Cirj), além do cenário dos municípios na Região Norte Fluminense em relação aos investimentos, aspectos demográficos e mercado de trabalho.

"Estamos abertos a essas ações. A Educação trabalha com intervenções. A EJA só tem sentido se houver um trabalho voltado à qualificação profissional. Eu fico muito à vontade no espaço do Senai porque sei da eficiência e como funciona. A Educação precisa da via de formação humana, mas também precisa ser útil. Estamos de portas abertas para avaliar essa possibilidade de parceria com o Senai", disse Marcelo. O consultor de negócios da Firjan, Washington Cruz, ressaltou a importância de os alunos conhecerem o espaço do Senai. "Quando o aluno chega na estrutura do Senai ele se deslumbra com um mundo novo, desperta curiosidade com o universo técnico e começa a ver a vida dele de uma forma diferente. Muitos começam a ver a matemática de um jeito diferente, se interessam pelos cálculos e valorizam o professor. Tem essa dimensão social que é muito interessante", diz o consultor. A coordenadora da EJA disse que essa modalidade de ensino é destinada a uma população que não teve oportunidade de estudar na idade apropriada e o público alvo da Educação de Jovens e Adultos são alunos que trabalham durante o dia e estudam à noite. "Estamos junto ao Senai, buscando parcerias para que possamos qualificar nossos alunos para o mercado de trabalho, dando a esse aluno oportunidade profissional e autonomia" disse.

Também participaram da reunião o analista de Captação de Recursos da Firjan, Igor Ferreira; o consultor de Negócios da Firjan, Washington Cruz; a analista de Negócios, Cláudia Marins; a gerente Operacional Firjan, Sesi, Senai, Eliane Azeredo; o coordenador da Educação Profissional Firjan e Senai, Joel Marcelino; e o analista de Captação de Recursos, Clemilson de Souza.

14 visualizações

Comments


bottom of page