Espetáculo Todas as Cores marca a volta da Epa aos palcos após a pandemia


A Escola de Práticas Artísticas (Epa) apresenta o Espetáculo “Todas as Cores” no Teatro de Bolso, às 16h, no dia 19 de outubro. Para assistir à peça é necessário fazer o agendamento através do e-mail animação.cultural@edu.campos.rj.gov.br. O espetáculo é uma adaptação feita pela animadora cultural Fernanda Barbosa do livro “Uma cor, duas cores e todas elas”, escrito por Lalau e Laura Beatriz. A Escola de Práticas Artísticas (Epa) é um projeto da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) em parceria com a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima e funciona desde 2017. Esse é o primeiro trabalho do grupo após a pandemia. Fernanda Barbosa explica que o espetáculo envolve as várias facetas da arte, como teatro, dança, musicalização, maquiagem e cenário. No decorrer do ano, a Epa trabalha todas essas vertentes com os alunos e o espetáculo é como se fosse um produto final das oficinas. Estarão em cena 19 alunos do curso. O espetáculo é dirigido por Fernanda Barbosa; coreografia de Fátima Stefan; musicalização, Marcelo; maquiagem, Aline Wagner, e cenário, Paulo de Tarso. “A peça é uma junção de várias poesias que tem no livro, adaptadas para o teatro, que fala da valorização das cores, cada uma separada no primeiro momento, mostrando onde elas estão, sensações que podem vir a criar no mundo, nas pessoas, nos sentimentos. É a valorização das cores na vida dos seres humanos, mas, porém, com elas todas juntas ficam ainda melhores, ou seja, as cores separadas já são maravilhosas e quando se juntam ficam ainda melhores e elas criam o mundo muito mais bonito e melhor. Um mundo muito mais gostoso de se viver”, pontua Fernanda.

43 visualizações