top of page

Estação Educação recebe novos técnicos de gravação e professores de ensino virtual





A Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) recebeu, nesta semana, cerca de 30 novos profissionais que atuarão no Projeto Estação Educação. Eles participaram de reunião com as equipes do Programa nesta quarta-feira (1) na Cidade da Criança Zilda Arns e receberam as primeiras instruções. Na próxima semana, eles participarão de outros encontros para conhecerem o programa de gravação, materiais que vão utilizar e anos de escolaridade para os quais irão produzir conteúdos digitais.


Mariceli Ribeiro da Mota, professora da educação infantil desde 2003, é uma das convocadas e disse que, por meio do projeto, vai poder transmitir conhecimento com alegria, leveza, criatividade e, ao mesmo tempo, aprender novas técnicas para o processo de ensino-aprendizagem. “O projeto é uma fonte de conhecimento acessível a todos. Ajuda aos alunos, aos pais que estão orientando seus filhos, aos professores que são pais, tios, educadores que precisam a todo momento se reinventar, enfim, ter acesso a essas aulas faz toda diferença”, afirmou.


Segundo o secretário de Educação, Marcelo Feres, trata-se do cumprimento do edital 01/2023 de chamamento de professores, publicado em 26/01/2023, cujas inscrições encerraram no dia 10 de fevereiro. “O projeto envolve gravação de videoaulas dos diversos componentes curriculares e demais conteúdos extracurriculares. Os selecionados são profissionais da rede municipal de ensino e atuarão como técnico de gravação ou professor de ensino virtual, após participarem de um curso de formação promovido pela Escola de Formação (EFEM)”, comentou.


Ideme Areas Guimarães é professora 35h e atua na Educação Infantil desde 2004, na Creche Escola João Perdecene Neto, em cuja unidade se encontra uma das 6 salas-estúdio da rede municipal de ensino, onde já foram gravadas muitas aulas inovadoras utilizando não somente os recursos tecnológicos, mas também vários recursos didáticos fornecidos pela Seduct, como por exemplo, os materiais contidos no Laboratório Brincar e Aprender.


“Faço parte do projeto desde 2021 quando começou, e ele foi um divisor de águas em minha vida profissional, pois tive a oportunidade de aperfeiçoar minhas experiências como professora, aprendi a me desenvolver diante de uma câmera, a rever posturas, ao mesmo tempo em que, através de aulas com outros profissionais tive a oportunidade de observar vícios de linguagem que acabamos cometendo no dia a dia. Tudo isso só me enriqueceu como professora, e a consequência disso tudo é que hoje me sinto mais preparada profissionalmente e posso ter um maior desempenho, tanto na sala virtual como na sala de aula presencial”, afirmou Ideme.





Para ela, todos saem ganhando com o Projeto. “Nós professores porque tivemos a oportunidade de colocar em prática os pilares da educação: aprender a conhecer; aprender a fazer; aprender a conviver e aprender a ser - itens importantes na transmissão de informação e comunicação hoje na nossa sociedade. E também os alunos que terão essas aulas do projeto como mais um recurso no seu aprendizado”, declarou.


Os profissionais serão remunerados na condição de RET (Regime Especial de Trabalho), atuando no horário diverso de seu exercício da docência. A coordenadora do projeto, Neidimar Abreu, afirmou que o material gravado está sendo transformado em um acervo de materiais didático-digitais no Portal PAE, que estão servindo de instrumentos para recomposição da aprendizagem dos alunos e também de potencializadores das aprendizagens sistematizadas e formalizadas nas escolas e para além delas.


“As seis salas foram implantadas na Creche Escola João Perdecene Neto, Lapa; Escola Municipal Getúlio Vargas, em Tocos; E.M. Maria Lúcia, no Parque Turfe Clube; Ciep Wilson Batista, em Guarus, e Amaro Prata Tavares, no Centro, além da sala que fica na sede da Seduct. A próxima inauguração vai ser feita na E.M. Albertina Venâncio, no distrito de Travessão, com data ainda a ser definida”, completou Neidimar.


43 visualizações
bottom of page