Hora da Educação recebe secretário de Transparência e Controle nesta sexta

A live “Hora da Educação” é transmitida pelo canal do Programa de Aprendizagem Eficiente (PAE) no YouTube

O projeto de lives “Hora da Educação”, com o secretário municipal de Educação, Ciência e Tecnologia, Marcelo Feres, tem realizado encontros com gestores municipais, onde é estabelecido um diálogo sobre ações e parcerias intersetoriais. E nesta sexta-feira (19), às 18h, o convidado será o secretário municipal de Transparência e Controle, Rodrigo Resende. A live “Hora da Educação” é transmitida pelo canal do Programa de Aprendizagem Eficiente (PAE) no YouTube.


Rodrigo Resende é professor de Contabilidade e Controladoria do Departamento de Economia da Universidade Federal Fluminense (UFF) e professor de Administração Pública do Centro de Educação à Distância do Estado do Rio de Janeiro (Cederj), que faz parte do sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB), programa de ensino à distância (EaD) do Ministério da Educação (MEC).

Na última sexta-feira (12), o convidado foi o secretário municipal de Desenvolvimento Humano e Social, Rodrigo Carvalho, que, entre outros assuntos, abordou sobre as ações realizadas no acampamento Cícero Guedes, na antiga Usina Cambaíba.

“Foi uma demanda que nos foi solicitada pelo MST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra). Conseguimos compor com o Programa Bolsa Família e fizemos 263 atendimentos no acampamento Cícero Guedes e 243 atendimentos no acampamento Oziel Alves. É motivo de muita felicidade chegar em um público em que eles não nos buscariam, é uma legítima busca ativa para uma população muito vulnerável. Uma semana depois foi levada a vacinação para lá pela Secretaria Municipal de Saúde”, informou Rodrigo.

O secretário Marcelo Feres comentou sobre as ações da Seduct no campo. “É uma ação que para nós é muito relevante. No âmbito da Educação há muitas ações a serem feitas. O acampamento Cícero Guedes, que é mais recente, tem muitas crianças, muitas delas fora da escola. Lá tem um espaço para uma escola, que recebeu carteiras. Temos professores especializados em Educação no Campo. É uma missão que nós temos. Precisamos trabalhar na dimensão rural. O prefeito, que é muito sensível nesta dimensão, esteve lá. Este é um caminho para o município de Campos. O poder público está presente, assim como instituições como UENF, UFF e IFF”, informou Feres.


Reportagem: Wesley Machado

8 visualizações