Kits de alimentação são doados para o Mosteiro da Santa Face

A instituição adota o lema “Dar de comer a quem tem fome” e há mais de 30 anos serve refeições. O serviço é oferecido de segunda-feira à sábado, com café da manhã, almoço e lanche

Foto: Wellington Rangel


Fazer o bem a quem faz o bem. Com este objetivo, nesta terça-feira (21), a Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) doou 130 kits de alimentação para o Mosteiro da Santa Face e do Puríssimo e Doloroso Coração de Maria, que funciona em frente ao Jardim São Benedito.


A instituição adota o lema “Dar de comer a quem tem fome” e há mais de 30 anos serve refeições. O serviço é oferecido de segunda-feira à sábado, com café da manhã (das 8h às 8h30), almoço (das 12h às 12h30) e lanche (das 16h às 16h30).

A Irmã Maria Amada informa sobre o ato de caridade. “A gente não avalia. Entrou na fila, fala que está com fome, nós servimos”, disse a Irmã. Quanto à doação dos kits de alimentação pela Seduct, ela agradece. “A gente agradece demais. Vai ajudar muita gente, muitos pobres, muitas famílias. Estamos eternamente agradecidos. Vocês estão incluídos nas nossas orações”, afirmou Maria Amada.

O secretário Marcelo Feres, que compareceu ao local para fazer a doação, acompanhado da coordenadora do Programa Saúde na Escola (PSE), Catia Mello, comentou sobre a ação.


“Esta doação é mais uma iniciativa que faz parte do projeto Educação Solidária em Ação, por meio da qual já doamos roupas no Assentamento em Cambaíba e materiais escolares no Presídio Feminino. Estes gêneros alimentícios são oriundos de uma sobra da distribuição de kits nas escolas da rede municipal e nós escolhemos uma instituição para doar, uma vez que os alimentos são perecíveis e precisam ser consumidos de uma forma mais célere", destacou Feres.

O Mosteiro da Santa Face e do Puríssimo e Doloroso Coração de Maria foi fundado em 1735 na província de Foggia, na Itália. Em 1970, as Irmãs vieram de Belo Horizonte-MG para Campos dos Goytacazes-RJ, onde ficam nove irmãs, algumas delas reclusas em clausura e com três que atendem ao público.


Reportagem: Wesley Machado

8 visualizações