top of page

Maio Laranja: Escola Maria Lúcia promove palestras sobre abuso sexual





 

Pais, professores e alunos, tiveram uma manhã diferente nesta terça-feira (14), na Escola Municipal Maria Lúcia, no Turfe Clube. Eles participaram de palestras sobre Abuso Infantil, em alusão ao Maio Laranja, mês de conscientização ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. A gestora da unidade, Ana Maria Santiago Pessanha, falou sobre a importância do evento.

 

“A unidade sempre realiza palestras de conscientização, pois é importante que as crianças recebam informações acerca de tudo que as rodeiam. Eu sempre realizo esses eventos nas  salas, hoje decidi trazer para a quadra, para chamar atenção dos pais e comunidade sobre a violência e o bullying, que sempre nos assustam muito, quando se fala de crianças e adolescentes. Resolvi fazer algo maior com profissionais capacitados para me ajudar. É necessário que os pais fiquem atentos aos sinais que os filhos dão e possam ajudá-los”, disse a gestora.

 

Um dos palestrantes foi o Guarda Municipal Ivan Silva de Souza. Ele é autor do projeto A Criança Pede que tem como objetivo levar informações aos jovens sobre os malefícios das drogas. Na unidade escolar de hoje, ele falou sobre a Repressão aos Crimes Sexuais Contra Crianças e Adolescentes, Bullying e ainda como trabalhar o comportamento dos jovens usando o lúdico.



“É muito importante conversar tanto quantos os pais quanto com os filhos sobre esses temas tão delicados para que eles possam identificar e, ainda, saber como proceder caso algo assim aconteça. A criança tem que ser protegida por todos e não há proteção maior que a informação. Durante a palestra eu mostro aos pais quais são os órgãos de proteção às crianças e quais devem procurar ajuda. Esse tipo de evento é de muita importância para a comunidade escolar”, disse Ivan.


Participaram ainda do evento: o pai atípico e ex-presidente da Fundação Municipal da Infância e Juventude, Leon Gomes; o atual presidente da Fundação Municipal da Infância e Juventude, Diego Augusto Rodrigues; psicóloga Renata Caruso; delegada da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM), Juliana Oliveira; professora e terapeuta, Eugênia Petrucci, e a professora e advogada, Valéria Freitas, que falaram sobre Bullying na Escola.

 

MAIO LARANJA


A campanha Maio Laranja foi instituída por meio da Lei Nº 14.432, de 3 de agosto de 2022. A norma estabelece que durante o mês de maio de cada ano, em todo o território nacional, sejam realizadas atividades efetivas de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes. Um dos objetivos da iniciativa é conscientizar a sociedade sobre os abusos sofridos pela população infanto-juvenil brasileira.


Por Mariane Pessanha - Fotos: Adriana Pitote




172 visualizações

Kommentare


bottom of page