top of page

Ministério Público inicia Projeto Infância em Ação em parceria com Secretaria de Educação




A Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva da Infância e Juventude de Campos, do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP/RJ), iniciará no próximo sábado (13), às 9h, o projeto Infância em Ação em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct). Uma solenidade marcará a implantação do projeto no auditório da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (Uenf), que também apoia o projeto, assim como o Estúdio Fabrício Bastos.


“Infância em Ação visa promover ações de forma periódica, em módulos, para mapear, sob a ótica das crianças e adolescentes matriculados na rede municipal de ensino de Campos dos Goytacazes, as demandas por políticas públicas em suas áreas de convivência”, explicou a promotora de Justiça de Tutela Coletiva da Infância e Juventude, Anik Rebello Assed Machado.


Os módulos envolverão outros três encontros nos dias 20 de maio, 3 e 17 de junho. O evento contará com seis unidades escolares previamente selecionadas pela Seduct, no primeiro módulo, totalizando 30 estudantes, além dos gestores e professores, que serão multiplicadores das informações recebidas no ambiente escolar.


“Eles são oriundos da Baixada Campista, Norte do município e de Guarus (duas unidades por região). Para isso, as escolas fizeram a adesão ao projeto nas últimas semanas e participaram de reuniões onde receberam as instruções necessárias. A Seduct está dando todo suporte necessário, além do transporte desses estudantes para a Uenf durante os quatro encontros”, informou a assessora técnica da Secretaria de Educação, Catia Mello.


Neste sábado (13), a programação incluirá solenidade de abertura, atividades físicas e recreativas, rodas de conversa, distribuição de lanches e palestra com a promotora Anik, que vai falar sobre os direitos das crianças e adolescentes. O educador físico Fabrício Bastos também ministrará palestra sobre o direito ao esporte e ao lazer.


No dia 20 de maio, o formato será o mesmo e contará, ainda, com a presença de uma nutricionista e uma psicóloga. O terceiro encontro prevê uma apresentação dos resultados obtidos no mapeamento realizado nos encontros anteriores. Já o último encontro consistirá em um evento de celebração e premiação da equipe vencedora.


Tarefas – As equipes deverão realizar as tarefas propostas, que envolvem a identificação das necessidades locais e indicação das políticas públicas apontadas como solução para viabilizar o exercício dos direitos relacionados ao tema. Os representantes das equipes deverão mobilizar o maior número possível de alunos das escolas que integram, promovendo discussões, debates, entrevistas, pesquisa de campo, coleta de dados, abaixo assinado e demais ações que envolvam a participação de material de divulgação, como vídeos, fotos, publicações, cartazes, panfletos, etc, que expressem os fatos identificados e demonstrem a necessidade do desenvolvimento de políticas públicas na área.


Premiação – No terceiro encontro, cada equipe deverá entregar o resultado das tarefas propostas, sendo pontuadas pelo empenho e resultados obtidos. A unidade escolar que mais se destacar será premiada com uma viagem ao AquaRio e todas as equipes receberão prêmio de participação.

45 visualizações
bottom of page