Professores da rede municipal concluem curso de extensão pela UERJ




Cerca de 40 professores e pedagogos da rede municipal concluíram o curso de extensão em Alfabetização, Leitura e Escrita, realizada pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj), através do programa Rio + Alfabetizado, com apoio da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct). Os certificados estão sendo encaminhados para os e-mails dos aprovados. Além disso, cerca de 100 profissionais – professores e pedagogos das séries iniciais – também estão fazendo um curso de especialização em Alfabetização, Leitura e Escrita desde março deste ano, que tem previsão de conclusão para as próximas semanas, com caráter de pós-graduação Lato Sensu, pela mesma instituição.


“O mundo mudou, isto é fato, e um novo cenário em avanços tecnológicos vem sendo agregado a novas técnicas de ensino-aprendizagem. Com o curso pudemos não só enriquecer nossas aulas, mas a troca de experiências. Não tem como falar de educação de qualidade sem mencionar uma formação continuada. O curso mostrou e possibilitou como pode ser enriquecedora a construção de saberes, e que é preciso sair da zona de conforto em busca do novo”, afirmou uma das contempladas, Simone Sepúlveda, professora com Normal Superior, pós-graduação em Gestão e Normas Educacionais e servidora da Escola Municipal Pequeno Jornaleiro desde 2007.


A coordenadora do Rio + Alfabetizado, Neidimar Abreu, explicou que o objetivo do curso foi promover a compreensão e a discussão acerca da alfabetização no Estado do Rio de Janeiro, em diálogo com o Plano Nacional de Educação e com o Programa, ampliando, assim, conhecimentos, habilidades e técnicas dos professores alfabetizadores e coordenadores pedagógicos dos anos iniciais do Ensino Fundamental.




Neidimar explicou ainda que o estudo se baseou no contexto histórico da alfabetização no Brasil, ampliando até os dias atuais com temas como: Práticas inovadoras para o ciclo de alfabetização e metodologias ativas no processo de ensino aprendizagem; A pedagogia dos multiletramentos e o trabalho com textos multimodais na alfabetização.


“A proposta desse curso de extensão trouxe para os professores das séries iniciais do 1º e 2º anos do Ensino Fundamental do município a oportunidade e o incentivo para se atualizarem para as novas práticas de alfabetização”. Quero parabenizar todos os professores aprovados e dizer que o momento de praticar é agora. Os alunos necessitam estar em contato com esse multiletramento em sala de aula, visto que isso já faz parte de suas vidas”, disse Neidimar.


O público alvo foi professores alfabetizadores e coordenadores pedagógicos dos anos iniciais do Ensino Fundamental das Secretarias Municipais de Educação do Estado do Rio de Janeiro e à equipe de multiplicadores, constituída por professores e coordenadores pedagógicos alfabetizadores. A carga horária foi de 180 horas/aula.


O Programa Rio + Alfabetizado foi criado através do Decreto 47.632/2021, de 31 de maio de 2021, com a finalidade de melhorar a qualidade da educação com ênfase na alfabetização de escolas públicas municipais do Estado do Rio de Janeiro. O Programa será organizado com a implementação de ações de formação continuada em nível de extensão e de especialização.

75 visualizações