top of page

Projeto Tô Lig@do transforma o ensino municipal com o uso da tecnologia


Desde que foi implantado na Rede Pública Municipal ano passado, o projeto Tô Lig@do! já distribuiu até agora 2.164 Chromebooks aos profissionais da Educação. O projeto visa à educação e inclusão digital nas unidades escolares e tem ajudado a despertar nos alunos o desejo de aprender, e incentivado os professores a descobrir novas formas de ensinar.


Foi o que aconteceu com a professora do Ciep Maestro Villa Lobos, em Guarus, Jackeline Ferreira Cruz Valença. Ela conta que a utilização do Chromebook trouxe mais agilidade e praticidade para sua vida profissional.


"Por ser leve e portátil, é ideal para ser levado de casa para o trabalho. Outros pontos positivos de sua utilização são a durabilidade da bateria, o sistema operacional simples e de fácil manuseio, eficiente para os trabalhos realizados no dia-a-dia. Outro benefício é que mesmo sem Internet é possível usar o equipamento para rever e editar meus arquivos e documentos salvos no drive", resumiu a professora.



A opinião de Jackeline é compartilhada pela pedagoga do Cemstiac, Teresinha Bianchi dos Guaranys. "Achei bem prático. A forma de uso é semelhante ao notebook. É  muito rápido também. Com certeza vai ser muito útil nas minhas aulas.Contar com a ajuda da tecnologia é sempre bom porque chama atenção da criança para o conteúdo", explica a pedagoga.


Coordenadora de Área na Seduct, Carmem Lúcia Guimarães Reis, também está satisfeita com o equipamento. “A chegada dos chromebooks irá melhorar consideravelmente a nossa vida . Vamos conseguir diversificar o material que produzimos para a pedagogia do município”, diz Carmem.



A subsecretária de Ciência e Tecnologia, Suzana da Hora, diz que a inserção de tablets e chromebooks nos processos de ensino-aprendizagem é um processo irreversível, pois se constitui numa condição geracional.


"Como podemos observar, hoje na sociedade, desde cedo as crianças vêm interagindo com equipamentos tais como tablets, celulares e computadores. Quando os processos de ensino e aprendizagem lançam mão dessas ferramentas, eles se aproximam da realidade e dos interesses dos estudantes, facilitando os processos cognitivos e conduzindo a uma aprendizagem mais sólida", acredita Suzana.


Para a Coordenadora dos Laboratórios de Tecnologias e Mídias Digitais, Anna Karina Vieira, a presença da tecnologia em sala de aula pode trazer uma série de benefícios para o ensino. Por meio dela, os alunos podem acessar conteúdos relevantes, interagir em um universo de novos conhecimentos e manter uma proximidade muito maior com os educadores, além disso, a tecnologia pode ajudar a personalizar a aprendizagem, permitindo que os alunos aprendam no seu próprio ritmo e de acordo com suas necessidades individuais. Para Anna, a tecnologia também pode aumentar o engajamento dos alunos, tornando a aprendizagem mais interessante e relevante para eles.


"O uso dos chromebooks permite maior conectividade e colaboração, além de inovação e experimentação de plataformas interativas que promovem uma nova forma de aprender. Em suma, estamos preparando os alunos e professores para os desafios e oportunidades do mundo digital, ajudando-os a desenvolver as habilidades e conhecimentos necessários para serem cidadãos ativos, críticos e inovadores", diz Anna.

117 visualizações

Comments


bottom of page