top of page

Resultado final do Programa de Bolsa de Primeira Graduação na próxima segunda-feira






 

O resultado final do Programa de Bolsa de Primeira Graduação para os Servidores Públicos da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia será publicado na segunda-feira (15). O cronograma, que previa a publicação nesta sexta-feira (12), foi alterado para conclusão da análise das solicitações, após o período de recursos, concluído no dia 3 de abril de 2024. A Prefeitura de Campos publicou o resultado preliminar no Diário Oficial do Município, por meio da Portaria Seduct nº 33/2024, no dia 01 de abril.

 

A bolsa de estudo é de R$ 200 e será concedida aos educadores em efetivo exercício na Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia que estão ingressando, pela primeira vez, em curso superior de Licenciatura na área de Educação. O regulamento e os critérios foram publicados no diário oficial do município, com base na Lei Municipal nº 9.339, de 17 de julho de 2023, e podem ser acessados no Portal do Programa de Aprendizagem Eficiente (PAE).

 

Foram disponibilizadas 1.100 bolsas, de acordo com a secretária de Educação, Tânia Alberto. O valor será repassado juntamente com o pagamento mensal do salário durante o período em que estiver cursando a graduação. A cada seis meses, os beneficiários deverão preencher o requerimento de renovação, constando a nota que evidencia a aprovação no período/ano letivo anterior, para solicitar o recadastramento.

 

“O Programa de Bolsa de Primeira Graduação representa um compromisso valoroso com o desenvolvimento educacional dos servidores públicos ativos da Secretaria. Essa iniciativa busca fortalecer e aprimorar nosso corpo de servidores, contribuindo diretamente para a qualidade do ensino municipal. Ao incentivar a formação superior, o projeto não apenas valoriza o investimento na educação, mas também reconhece a importância estratégica desses profissionais para o desenvolvimento da educação no todo”, disse.

 

A bolsa proporcionará suporte financeiro, removendo barreiras econômicas que poderiam impedir o acesso a uma formação acadêmica de qualidade. “Representa não apenas um estímulo ao aprimoramento profissional, mas também reforça o compromisso da Secretaria em promover um ensino de excelência, capaz de transformar vidas e impulsionar o progresso educacional em toda a comunidade”, finalizou.


Por Kamilla Uhl

 

 

172 visualizações

Comments


bottom of page