top of page

Secretário de Educação orienta profissionais sobre aplicação da prova Saeb





A fim de preparar profissionais e alunos da rede municipal de ensino para a aplicação do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), o secretário municipal de Educação, Ciência e Tecnologia, Marcelo Feres, visitou, nesta sexta-feira (22), mais um grupo de unidades escolares. Ele está oferecendo assessoramento técnico in loco e tirando dúvidas dos servidores. As visitas acontecem por meio do projeto Secretário em Ação.


Hoje (22), foram contempladas as Escolas Municipais Ataíde Dias (Parque Santa Rosa), Branca Peçanha Ferreira (Eldorado), Frederico Paes Barbosa (Parque Novo Mundo) e EM Lions I (Parque Santa Rosa). A prova será aplicada no final do mês de outubro.


“Estamos trabalhando muito para dar as condições necessárias às escolas, aos professores e aos profissionais de modo geral, para que os alunos possam ter uma boa frequência escolar e fazer uma boa avaliação. É a partir disso que os profissionais podem reformular estratégias de trabalho em sua escola de acordo com as necessidades levantadas pelos alunos”, afirmou Marcelo.





Para a diretora da Escola Ataíde Dias, Fabia Petralha, o Saeb é uma ferramenta fundamental para o acompanhamento e avaliação da qualidade da educação no Brasil e em especial de Campos dos Goytacazes. “Como diretora, acompanhando os níveis de desenvolvimento dos nossos alunos, e posso dizer que o SAEB desempenha um papel de extrema importância na identificação e análise dos pontos fortes e fracos do nosso sistema educacional”, disse.


Ela lembrou que, através da aplicação das provas, o Saeb permite uma análise comparativa que possibilita verificar se os alunos estão alcançando os conhecimentos e habilidades esperados para cada etapa de ensino. “Ele não deve ser visto apenas como um mecanismo, mas um instrumento norteador para toda equipe pedagógica e gestão escolar que acredita que com dedicação, competência e com políticas públicas iremos vencer os desafios da educação”, completou Fábia.


Para a gestora da Escola Frederico Paes Barbosa, Maria de Fátima Ferreira, a avaliação deve ser levada muito a sério, já que é um instrumento de extrema importância do ponto de vista pedagógico e social, considerando que tem como princípio básico diagnosticar a educação brasileira e os fatores que podem interferir no desenvolvimento dos estudantes.


“Diante desse contexto, permite que possa haver uma melhor avaliação do nível educacional e a partir desse diagnóstico a reformulação e monitoramento das circunstâncias educacionais, assim como as políticas públicas voltadas à educação. Temos trabalhado ao longo do ano com o Simulado Saeb, enviado pela Seduct, objetivando preparar os alunos de 5° e 9° anos para a Avaliação Saeb que ocorrerá no final do ano”, destacou.





Segundo ela, para os alunos do 9° ano, esse movimento de preparação também ajuda para as provas que eles farão a fim de ingressarem no Ensino Médio, como a prova do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFF), por exemplo.


“Nossos professores de Língua Portuguesa e Matemática estão comprometidos com essa preparação. Eles aplicam e corrigem os Simulados Saeb enviados pela Seduct e, assim, ficam cientes dos pontos que precisam ser reforçados junto aos alunos”, explicou Fátima.






Mais Unidades


Quarta-feira (20), ele esteve nas escolas Custódio Generoso Vieira, Custódio Siqueira, Dr. Luís Sobral, Marechal Arthur da Costa e Silva e Prisco de Almeida, todas na região do subdistrito de Guarus. Terça-feira (19), foi a vez das seguintes unidades: Professora Sebastiana Machado (IPS), Sagrada Família (Parque Rosário), 29 de Maio (Pecuária), Clóvis Tavares (Nova Brasília) e Professor Walter Siqueira (Parque Julião Nogueira).







1.304 visualizações
bottom of page