Secretário de Educação solicita audiência na Câmara para apresentar balanço



Desde o dia 14 de fevereiro deste ano, o secretário de Educação, Ciência e Tecnologia, Marcelo Feres, solicitou à presidência da Câmara Municipal, por meio de ofício 56/2022, uma audiência com a presença de todos os vereadores. A reunião visa realizar apresentação das ações e projetos em andamento na Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, e também das atividades já realizadas no ano de 2021 de forma detalhada, fornecendo uma visão ampla do funcionamento da Secretaria.


Um dos assuntos a serem destacados diz respeito ao incentivo da Secretaria à pesquisa, tecnologia e a ciência. Para isso, a Secretaria está com o edital aberto do Programa Mais Ciência na Escola, um processo de seleção de projetos de pesquisa de professores da rede municipal e seleção de estudantes bolsistas de iniciação científica júnior.


E, ainda, edital de chamamento público para seleção de projetos de empreendedores com perfil inovador para participarem do Programa Municipal de Apoio a Startups. O programa visa apoiar a incubação de empresas na Tec Campos Incubadora, parceira da Secretaria, com oferta de até 30 bolsas de desenvolvimento tecnológico no valor de R$ 1.100,00.


A respeito do projeto de valorização dos profissionais da Educação, Marcelo adiantou que existem várias frentes de trabalho, como oferta de chromebooks para os professores, pagamento de férias atrasadas, pagamento dos salários dos servidores em dia, pagamento de abono em janeiro deste ano, criação da Escola de Formação de Educadores Municipais (EFEM), novos computadores desktops e impressoras para as escolas, retorno do pagamento da regência, com criação de nova lei; equiparação salarial ao piso nacional; etc.


“Além disso, outro destaque é que estamos adquirindo 120 kits de laboratórios de Matemática e Ciências que será destinado a 84 unidades que ofertam ensino fundamental anos iniciais, e a 36 unidades que ofertam ensino fundamental anos finais”, informou Marcelo, acrescentando que também estão sendo adquiridos mais 166 Kits de robótica destinados a 46 unidades que ofertam educação infantil; 84 unidades que ofertam ensino fundamental anos iniciais e a 36 unidades que ofertam ensino fundamental anos finais, a fim de implantar o Projeto LaBMais.

38 visualizações