Secretário de Educação: “valorização profissional já é realidade na rede municipal”



“Vamos em frente, vamos avançar, porque a valorização profissional na rede municipal de Educação já começou e já é uma realidade em Campos”. A afirmação é do secretário municipal de Educação, Ciência e Tecnologia, Marcelo Feres, durante Live especial de Dia dos Professores, realizada pelo Instagram, neste sábado, 15 de outubro. Ele agradeceu o esforço dos educadores da rede municipal para melhorar a qualidade do ensino e os parabenizou pelo dia de hoje. Marcelo destacou que diversas ações contidas no plano de ação da Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) – o Programa de Aprendizagem Eficiente (PAE), previsto para ser executado em quatro anos – já foram implantadas, e há outras em execução. Muitas delas contemplam diretamente os professores. “Tudo o que prometemos estamos implantando. Aqui não existe atalho, temos projeto e estamos fazendo política pública séria. Estamos entregando os uniformes, playgrounds, parquinhos, reformamos e fizemos manutenção em mais de 150 unidades escolares, entregamos novo mobiliário, a merenda de qualidade está chegando diariamente, as unidades estão abastecidas de materiais de limpeza e material escolar; entregamos laboratórios de robótica, de matemática, ciências e lúdicos; implantamos a Escola de Formação dos Educadores Municipais (EFEM), por meio da qual já capacitamos mais de 4 mil servidores; enfim, são muitas as ações”, disse. Além disso, ele destacou, dentro da política de valorização profissional, outras ações visando à melhoria das condições de trabalho. “Uma delas é o chromebook sobre o qual venho falando. Essa agenda será honrada e não está esquecida. A Prefeitura está pagando férias e outros direitos que não foram pagos pelo governo passado, mas que agora estamos honrando. O prefeito Wladimir colocou os pagamentos em dia, está pagando 13º salário e férias dentro do prazo e agora já pagou a primeira parcela do adicional de 3%, no mês de setembro, referentes aos cursos de capacitação realizados pelos educadores e pedagogos, que estavam atrasados também. Na próxima semana, esses profissionais começarão a assinar os 3% referentes ao triênio de 2018 a 2020, que também serão pagos por essa gestão”, lembrou. O próximo passo, de acordo com Marcelo, será o enquadramento do Plano de Cargos e Salários, no que diz respeito à progressão vertical e horizontal dos servidores da Educação. “Assumimos esse compromisso com os profissionais e vamos efetivar. O cadastramento será feito em breve pela Secretaria de Administração e Recursos Humanos. É um direito de vocês e um compromisso nosso. Além disso, estamos caminhando para, cada vez mais, aumentar o índice relativo ao pagamento do Fundeb. Já estamos pagando o mínimo constitucional, agora queremos ampliar. As férias dos professores serão pagas na folha de janeiro”, comentou. O secretário afirmou ainda que o processo de eleição de diretores escolares vai ser aberto nos próximos dias. As informações serão disponibilizadas no site do PAE a partir da próxima semana. Além disso, a Seduct vai apresentar, na Câmara Municipal, projeto de lei visando oportunizar aos professores a possibilidade de ampliar a carga horária de 25h para 30h semanais, a fim de aumentar o salário. “Hoje os professores que trabalham o equivalente a quatro dias na semana poderão trabalhar cinco dias com a mesma turma, a medida será opcional e vai permitir que haja um reajuste salarial proporcional à carga horária trabalhada”, explicou. “Vivemos fases muito difíceis no ano passado. Com muito trabalho e dedicação da equipe e dos professores da rede municipal, agora chegamos a uma etapa que nos permite olhar adiante. As consequências da pandemia permanecem ainda ativas, com impactos financeiros, econômicos, educativos, socioemocionais para profissionais, estudantes e seus familiares. Nós vivemos da esperança. Mas sabemos que é preciso que haja também valorização e dignidade no trabalho. Temos responsabilidade para fazer acontecer. Já demos os primeiros passos e podem esperar mais. Estamos contando com o comprometimento de toda equipe da Seduct, a quem quero agradecer publicamente. Esse grupo de profissionais está dando seu melhor”, informou. Ele falou sobre a possibilidade de elaboração de um novo concurso público em Campos. “Isso será muito importante para continuarmos avançando. Estamos orgulhosos, pois temos um projeto de educação. A meta do PAE é estarmos entre os 40 municípios do estado do Rio de Janeiro em qualidade do ensino, mas podemos e queremos mais: vamos trabalhar para chegarmos, pelo menos, no 20º lugar. Serão 12 meses de um trabalho focado em reforço, recuperação da aprendizagem, sem maquiagem. Contamos com vocês nesse pacto pela educação”, finalizou.

33 visualizações