top of page

Secretário visita escolas e dialoga com educadores sobre SAEB




O secretário de Educação, Ciência e Tecnologia, Marcelo Feres, continua visitando as unidades escolares da rede municipal de ensino e dialogando com os educadores. O principal assunto tem sido o Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), um conjunto de avaliações externas em larga escala que permite ao Inep realizar um diagnóstico da educação básica brasileira e de fatores que podem interferir no desempenho do estudante. A prova será aplicada entre 23 de outubro e 3 de novembro em todo o país.


Por meio de testes e questionários, aplicados a cada dois anos na rede pública e em uma amostra da rede privada, o Saeb reflete os níveis de aprendizagem demonstrados pelos estudantes avaliados, explicando esses resultados a partir de uma série de informações contextuais.



Na semana passada, foram visitadas diversas unidades como a E M Dr. Alcindor Bessa, no Turfe Clube e EM Senador Tarcísio Miranda. Esta semana, Marcelo conversou com profissionais do CIEP Clóvis Tavares. Segundo ele, os dados coletados oferecem subsídios para a elaboração, o monitoramento e o aprimoramento de políticas educacionais com base em evidências.


Ao longo do ano, a Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) vem promovendo a aplicação de vários simulados para alunos do 5° e 9° anos de escolaridade da rede municipal de ensino, em preparação para a Prova Saeb. Os simulados começaram a ser aplicados em abril deste ano e o último aconteceu na semana passada.




Todos os professores, pedagogos e diretores têm acesso aos resultados não apenas da nota, mas do grau de desempenho que cada aluno teve em cada uma das questões classificadas em níveis diferentes de competências e habilidades, de acordo com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), e da matriz de competências e habilidades utilizadas na prova Saeb.


“Estamos trabalhando muito para dar as condições necessárias às escolas, aos professores e aos profissionais de modo geral, para que os alunos possam ter uma boa frequência escolar e fazer uma boa avaliação. É a partir disso que os profissionais podem reformular estratégias de trabalho em sua escola de acordo com as necessidades levantadas pelos alunos”, afirmou Marcelo.




A coordenadora do Ensino Fundamental Anos Iniciais da Secretaria, Verônica Gomes, lembrou que as unidades e os professores estão muito engajados nesse processo.


“Chegamos ao mês de outubro concluindo um trabalho intenso de preparo dos nossos alunos para a Prova SAEB. São 8 meses disponibilizando materiais direcionados para essa avaliação, com monitoramento de resultados, auxílio, novas propostas, tudo com foco na aprendizagem e desenvolvimento da autonomia dos nossos alunos para esse momento. Os nossos professores são fundamentais e permanecem comprometidos com o sucesso dos nossos alunos”, pontuou Verônica.


40 visualizações

Comments


bottom of page