Secretaria de Educação discute Plano de Recuperação da Aprendizagem com gestores






A Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct), por meio do Departamento Pedagógico, deu início nesta quinta-feira (3) a uma série de reuniões com gestores escolares sobre Plano Municipal de Recomposição e Recuperação de Aprendizagens. Os encontros acontecem no auditório da Prefeitura, de forma regionalizada, nos dois turnos, manhã e tarde, até amanhã, sexta-feira (04). Hoje, o público alvo foram os gestores das escolas e creches no entorno de localidades e distritos como Travessão, Ibitioca, Santo Eduardo, Morro do Coco, Goitacazes, entre outros.


O objetivo do encontro é esclarecer, orientar e receber sugestões sobre as demandas urgentes para as escolas e a diretoria pedagógica frente ao Plano Municipal de Recomposição e Recuperação de Aprendizagens. A diretora pedagógica da Seduct, Tânia Alberto, falou sobre a necessidade de recuperar a aprendizagem ao invés de reprovar os alunos que já tiveram prejuízos educacionais com a pandemia.





"A gente precisa entender que nossos alunos do 5º ano são nosso maior ponto de atenção, pois muitos não conseguiram consolidar o letramento inicial. Se a gente reprova esse aluno, coloca nas costas dele a pandemia, ele vai levar a conta da reprovação. Nosso papel não é o de reprovar e sim de garantir o ensino-aprendizagem. Ensinar e aprender é muito mais inclusivo, é uma construção de ano inteiro. Vale ressaltar que no Brasil inteiro não existe aprovação automática. E não estamos tirando do professor o direito de reprovar o aluno. Estamos trabalhando para que ele consiga aprender, é um projeto de recomposição da aprendizagem”, explicou Tânia.


A subsecretária de Educação, Rita Abreu, enfatizou a importância dos encontros pedagógicos e da participação dos gestores, professores e da família no contexto de recuperação do ensino-aprendizagem.


“É de suma importância que todos estejam muito atentos aos seus papeis para que possamos nos ajudar mutuamente. Os encontros e reuniões que o Pedagógico tem realizado junto aos educadores têm sido essenciais para tirar dúvidas e também para traçar caminhos que possam ajudar as nossas crianças a conseguir reduzir os impactos da pandemia em sua aprendizagem. Os pais também têm fator fundamental pois quando eles atuam junto com a escola todo o trabalho se torna mais fácil”, diz a subsecretária.





Diretora da Escola Municipal Paulo Freire, situada em Dores de Macabu, Beatriz Julião Paes, considerou a reunião válida e muito esclarecedora.


“As reuniões com o Pedagógico sempre são muito boas. A gente estava ansiosa para esse encontro, após a resolução do Conselho Municipal de Educação (CME) que instituiu o Plano de Recuperação para saber como iríamos encerrar este ano tão conturbado. Não temos como punir esses alunos, é um trabalho de anos. E esse olhar mais afetivo para a Educação é muito válido. Resgatar a autoestima desse aluno é muito importante para que ele tenha uma aprendizagem segura e responsável”, analisou a diretora.


O vice-diretor da Creche Henrique Jardim da Cruz, em Santa Maria, Alex Botelho, enfatizou que a equipe do pedagógico é sempre muito solícita e que encontros como esses são importantes para conhecer todo o mecanismo do município. “É importante para que possamos compreender o funcionamento de toda a Rede Municipal e entender como se dá todo o processo de aprovação e recuperação da aprendizagem”, concluiu Alex.


Entre as ações previstas para o próximo ano estão: O aluno que tiver dificuldade no letramento vai contar com um tutor; serão realizados planos de reforço para a intervenção de conteúdos que não foram assimilados e ainda um plano de reforço escolar presencial aos sábados com os professores titulares das turmas, além de um programa de reforço escolar de férias, ministrado por professores contratados ou estagiários. Há ainda a ideia de criar a “Mãe Monitora”, que vai ser um elo de comunicação entre os responsáveis pelos alunos e os professores. Já os alunos que irão para a Rede Estadual, o município vai disponibilizar para a família toda a possibilidade de reforço escolar que os que continuam na Rede Municipal terão acesso.


Saiba mais aqui:


Conselho Municipal aprova Plano de Recomposição e Recuperação de Aprendizagens



162 visualizações