Secretaria de Educação divulga resultado final do Mais Ciência


A Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) divulgou o resultado final do Programa de Bolsas Mais Ciência, voltado para o Ensino Superior. Ao todo, dos 96 projetos enviados até o dia 16 de maio, quando terminou o período de inscrição, 58 foram selecionados. O resultado foi publicado no Diário Oficial do Município (AQUI) desta quinta-feira (07). Os projetos, conforme a área, passaram pela avaliação dos professores colaboradores das instituições de ensino. As 58 bolsas serão concedidas por 12 meses nas categorias de IC, IT e Ext, além de 58 taxas de bancada, com fomento da Prefeitura por meio de royalties direcionados à Educação, para projetos desenvolvidos nas temáticas propostas no edital e também em temáticas livres, considerados pela comunidade científica e acadêmica de interesse da Prefeitura. O objetivo, segundo o secretário de Educação, Ciência e Tecnologia, Marcelo Feres, é apoiar, por meio da concessão de bolsas e de taxas de bancada, o desenvolvimento de projetos de interesse das secretarias e demais órgãos da Prefeitura, a fim de estimular a vocação científica e de extensão e a formação de novos pesquisadores nas Instituições de Ensino Superior (IES), articulando as pesquisas e atividades com as demandas necessárias ao processo de desenvolvimento socioeconômico do município. A Coordenadora do Mais Ciência, Leonora Tinoco, destacou que, na próxima semana, será iniciada a confecção dos termos de outorga para que as bolsas comecem, efetivamente, no próximo mês. Em agosto, também serão feitas as primeiras reuniões com os responsáveis pelos projetos. Leonora ressaltou a diversidade verificada nos projetos. “São várias áreas da Prefeitura com projetos aprovados. Tivemos muitos para a Educação; IMTT; Cultura; Defesa Civil; Igualdade Racial; Direitos Humanos; Fundação Municipal da Infância e Juventude (FMIJ); Energia, Petróleo e Gás; Desenvolvimento Econômico. Tivemos, ainda, a parte de Meio Ambiente e Planejamento Urbano. Recebemos uma gama muito interessante de projetos. Vão ser várias ideias sendo desenvolvidas em diversos setores do município”, disse a coordenadora. Conforme Elenora, a comunidade acadêmica aderiu ao programa e o número de inscritos foi o maior dos últimos tempos. “Esse edital é fruto de um trabalho da Subsecretaria de Ciência e Tecnologia com as universidades. Demos continuidade à Comissão das Universidades, onde temos um representante de cada instituição de ensino do município, pública ou privada, e discutimos o edital, as mudanças que pretendemos implementar. E esse edital trouxe como novidade a taxa de bancada, que nunca tinha acontecido em editais anteriores e que pudemos oferecer agora”, concluiu. O valor da bolsa IC, IT ou Ext será de R$ 483,00 mensais. A taxa de bancada ao professor orientador será de até R$ 1.500,00, paga em duas parcelas. Podem participar os professores e/ou pesquisadores que se encontrem no efetivo exercício das suas funções, em cursos de graduação e de pós-graduação e/ou em atividades de pesquisa nas Instituições de Ensino Superior (IES) públicas e privadas, fixadas no município, e que possuam disponibilidade para orientarem os alunos bolsistas. CRONOGRAMA RETIFICADO Recursos - 01/07/2022 e 02/07/2022 Divulgação do resultado final - 08/07/2022 Assinatura do termo de outorga Início da bolsa - 15/07/2022 a 29/07/2022 Início do Projeto - 01/08/2022

23 visualizações