top of page

Secretaria de Educação inicia Transporte Universitário e da EJA



Acadêmicos das universidades e faculdades públicas e particulares de Campos e alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da rede municipal de ensino, que moram no interior da cidade, vão terminar o ano letivo mais aliviados. Eles não precisarão mais interromper os estudos por falta de transporte. Isso porque agora eles contam com o Programa Municipal de Transporte Universitário, ofertado pela Prefeitura de Campos, por meio da Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct).

Nesta segunda-feira (30), o programa começou a atender, aproximadamente, 230 universitários de Farol de São Tomé, Santo Amaro, Baixa Grande, Mussurepe, Saturnino de Brito, São Sebastião, Santo Eduardo, Santa Maria, Morro do Coco e Conselheiro Josino, nos turnos da manhã e noite.



Outros 250 alunos da EJA estão sendo contemplados desde o mês passado, beneficiando moradores de 60 localidades mais distantes do Centro da cidade, como Ribeiro do Amaro, Guandu, Nova Canaã, Farol de São Tomé, Dores de Macabu, entre outras.


Lara Reis, de Santo Eduardo, tem 27 anos e cursa Odontologia na Universo. “Quando soube da notícia que voltaria hoje fiquei muito feliz. Fazendo uma conta rápida, acredito que vou economizar cerca de R$ 600,00 reais. Queria muito agradecer a vocês por terem retornado esse programa para nos ajudar. No meu caso, me ajudou e muito, eu vendo lingerie para ajudar a pagar o transporte”, comentou.


Morador de Farol, Julio Cesar Tuller tem 20 anos e cursa Licenciatura em Geografia no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFF). Ele usou o serviço hoje de manhã e acredita que vai economizar cerca de R$ 350 reais/mês com o apoio da Seduct. “Não cheguei a suspender minha faculdade, mas conheço pessoas que sim. Esse é um serviço muito necessário. Os ônibus são confortáveis e os motoristas pontuais. Vai ajudar muito não só na minha vida acadêmica, como na vida dos demais estudantes”, declarou.





Programa


O Programa Municipal de Transporte Universitário é voltado aos estudantes de universidades, faculdades, pós-graduação, cursos profissionalizantes e cursos técnicos que morem no interior do município e não têm condições de arcar com sua condução até suas respectivas instituições de ensino. A medida é uma das ações previstas pelo Programa de Aprendizagem Eficiente (PAE) da Seduct.


O prazo para o cadastramento de alunos interessados terminou no dia 28 de setembro. Já o cadastramento da EJA foi feito diretamente nas unidades escolares, com apoio dos gestores. Segundo o secretário de Educação, Marcelo Feres, o contrato prevê dois grupos: um com 10 rotas para os estudantes universitários e outro com 10 rotas para os alunos da EJA.


“Apoiar a EJA e os estudantes universitários é um compromisso que deve ser cumprido com a Educação. No caso da EJA, o país tem uma dívida com essas pessoas que não conseguiram concluir seus estudos no tempo ideal. E a gente sabe da importância de trabalhar com a EJA, oferecendo o melhor para esses alunos e ainda associando a perspectiva ocupacional e a qualificação profissional”, disse o secretário. “Estamos, com isso, ajudando a eliminar as barreiras do aprendizado”, completou Marcelo Feres.



O subsecretário de Gestão Operacional, Nilo Manhães, explicou que, após o cadastro on-line, foi feita a validação dos dados informados junto às universidades. “A partir desses dados e da demanda apresentada no cadastramento, fizemos as rotas dos ônibus. Esse é mais um passo importante da Prefeitura, visando melhorar a qualidade do ensino em Campos”, disse o subsecretário.


Nilo lembrou que o transporte funciona com um sistema de quilometragem livre e ficará à disposição dos estudantes de segunda a sexta-feira. No entanto, eles também poderão ser atendidos nos finais de semana e em eventos como congressos, cursos, seminários, mediante comunicação prévia.


Fotos: Cesar Ferreira

212 visualizações
bottom of page