top of page

Secretaria de Educação promove ações preventivas contra covid





A fim de continuar garantindo a segurança sanitária de profissionais e do público externo, a Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia está promovendo a testagem diagnóstica para covid-19 nos servidores que atuam nos setores da sede do órgão. Além disso, também promoveu a sanitização contra o coronavírus em todos os departamentos na última sexta-feira (5). As medidas representam ações de caráter preventivo visando evitar a propagação do vírus, tendo em vista que a incidência de doenças respiratórias aumentam consideravelmente nos meses de maio e junho.


De acordo com o secretário de Educação, Marcelo Feres, nos próximos dias, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, haverá oferta de vacinação de reforço para os profissionais na própria Secretaria, a fim de aumentar a cobertura vacinal e facilitar a vida dos profissionais, garantindo mais comodidade.


“Estudos apontam que as infecções mais comuns no outono são as virais, como gripe e resfriado. Por isso, reafirmamos e orientamos novamente que todos os nossos servidores utilizem máscaras e álcool diariamente. Além disso, também solicitamos que a comunidade externa que vier buscar atendimento na sede da Secretaria siga a mesma recomendação”, explicou o secretário.


Nesta segunda-feira (8), 236 servidores foram testados, com 223 resultados negativos para covid e 13 positivos. Os servidores positivados foram afastados do ambiente de trabalho, conforme orientações sanitárias e decreto municipal. A testagem acontece por meio do Programa Saúde na Escola (PSE), em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde.



Diversas outras medidas vêm sendo implantadas pelo município, como afirmou o secretário de Educação. "É importante ressaltar que a sanitização potencializa a ação dos demais cuidados que estamos tomando dentro dos protocolos de biossegurança. Devemos continuar usando máscara, álcool e tomar as doses de reforço da vacina contra a covid-19, para cercamos o coronavírus de todos os lados e criarmos um ambiente seguro para nossos alunos e profissionais", destacou Marcelo.


Ele acrescentou que os cuidados não devem diminuir. “O fim da emergência global decretado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) na semana passada não significa o fim da pandemia”.


A sanitização é um conjunto de processos que se complementam e promovem a redução da carga microbiológica, ou seja, da quantidade de microoorganismos como bactérias, vírus e fungos e também de ácaros, promovendo a biossegurança dos ambientes.


Marcelo lembrou que a Seduct também implantou, em parceria com a Secretaria de Saúde, o sistema de retrovigilância, que consiste no acompanhamento de casos suspeitos de Covid dentro das unidades escolares. Por meio de atuação da equipe de enfermagem sentinela do PSE, é feito o monitoramento junto aos gestores. Em caso de suspeita de adoecimento do aluno ou do profissional, ele é referenciado para a unidade de saúde mais próxima da escola para providências e afastado do ambiente escolar, conforme protocolos preconizados pelo Ministério da Saúde.


A Seduct criou, ainda, o protocolo de medidas de proteção, prevenção e controle da Covid, que serve de referência para as condutas seguras e preventivas no cumprimento das regras sanitárias.




23 visualizações
bottom of page