top of page

Secretaria de Educação vai lançar Projeto Cinema Itinerante no Interior





O ano letivo de 2023 contará com uma grande novidade, que vai contemplar não somente os alunos da rede municipal de ensino, mas toda a família. Trata-se do projeto Cinema Itinerante no Interior da Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) que visa levar o entretenimento, a cultura e o lazer às comunidades rurais do interior, a fim de contemplar crianças que moram distantes do Centro da cidade e não têm oportunidade de ir ao cinema convencional.


A ideia é promover cerca de 100 apresentações ao longo deste ano. O projeto terá início nos próximos meses e será vinculado ao Programa Família na Escola. De acordo com o secretário de Educação, Marcelo Feres, toda a estrutura necessária será levada para as unidades escolares, onde acontecerão as exibições.


“A maioria das pessoas que vivem nas comunidades rurais dificilmente têm acesso a exibições de filmes em espaços de cinema, restritos a shopping centers ou centros culturais. O Cinema Itinerante no Interior vai priorizar a exibição de filmes nacionais, abordando assuntos que tenham foco educacional e pedagógico. A proposta é exibir filmes nacionais, que visam possibilitar a discussão entre os estudantes e profissionais envolvidos na rede pública de ensino, como uma importante estratégia de ampliar o conhecimento dos estudantes em um território rural onde o acesso a esse tipo de entretenimento é escasso”, explicou o secretário.


De acordo com a assessora técnica da Seduct, Catia Mello, serão ofertadas sessões periódicas dentro do espaço escolar, para os estudantes e a comunidade escolar, buscando atender um público alvo de até 1000 pessoas por edição. “Haverá não somente sessão de cinema, mas, após as apresentações, será criado um ambiente lúdico onde as crianças poderão brincar e interagir com outras famílias”, disse Catia.


O catálogo é vasto e conta com filmes como Tainá 3 – A Origem, cuja história pode ser um ótimo gancho para os estudantes conhecerem mais sobre a região da Amazônia, aprenderem sobre a cultura indígena e refletirem sobre a diversidade cultural do país. O filme também abre a possiblidade de trabalhar conteúdos de educação ambiental, contemplando discussões sobre o consumo consciente.


Outro filme que promete ser sucesso será Rio: O filme, que pode ser um ótimo instrumento para trabalhar com alunos de ciências e biologia a temática tráfico de animais silvestres. As Aventuras do Avião Vermelho também está na lista e conta a história de Fernandinho, um garoto que embarca em uma aventura repleta de imaginação após ganhar um livro do seu pai. Por meio deste filme será trabalhada a importância da leitura e da amizade.


“É importante destacar que esta ação constitui uma das atividades previstas no Programa Família na Escola, cujo objetivo é resgatar e fortalecer o convívio familiar e promover a ampliação do contexto cultural da comunidade e favorecer a integração da Proposta Pedagógica da Escola”, completou Catia.

120 visualizações

댓글


bottom of page