top of page

Seduct e OAB dialogam sobre segurança nas escolas





Em continuidade à agenda que trata da segurança pública nas escolas municipais, a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) recebeu, nesta sexta-feira (14), representantes da 12a Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RJ) e do Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino (Sinepe). A subsecretária de Educação, Rita Abreu; a assessora especial Catia Mello; a assessora jurídica Manuella Soares e a chefe de Gabinete, Mônica Maia, conversaram com o grupo, além de outros representantes da Seduct.



Rita falou sobre as ações imediatas e a longo prazo implantadas pela Seduct no sentido de manter o clima de tranquilidade entre alunos e profissionais nas unidades. "Conforme fluxo de ação criado em parceria com o Sistema de Segurança Pública, na tarde de ontem, estamos preparando um manual operacional com orientações sobre como proceder em casos de violência e fake news nas escolas, intensificando a patrulha escolar nos locais onde a vulnerabilidade é maior e orientando os pais para verificarem a mochila dos alunos antes de saírem de casa. Além disso, estamos ainda orientando os porteiros das unidades que também ajudarão a vistoriar as mochilas, de modo a impedir que qualquer tipo de objetivo que sirva como arma entre nas nossas unidades", disse Rita.



O grupo demonstrou interesse em estender as ações da Comissão OAB vai à Escola para a rede municipal, e foi convidado a participar do Curso de Atualização em Gestão Escolar da Seduct, na próxima quinta-feira (20), no Teatro Municipal Trianon. O convite também foi feito ontem (13) aos representantes das Polícias Civil e Militar, Guarda Civil Municipal e Postura e Ordem Pública.



Da OAB, estavam presentes o presidente da Comissão dos Direitos da Criança e do Adolescente, Marcelo Barreto; presidente da Comissão OAB vai à Escola, Leonardo Santos; presidente da Comissão de Segurança, Gilson Gomes; e presidente da Comissão de Direitos Humanos, Luís Celso. Já o Sinepe foi representado pelo advogado Bruno Lannes.



Gilson Gomes pontuou a necessidade da união das entidades. "É o momento de unirmos forças. A OAB está aqui para ajudar, colaborar com o município e auxiliar no que for possível", disse.


Saiba mais







12 visualizações

Comments


bottom of page