Segunda temporada do Hora da Educação conta com secretários de diversas cidades

O primeiro convidado foi o secretário de Florianópolis, Maurício Fernandes. Os encontros acontecem ao vivo, sempre às quintas-feiras, às 18h, no canal do PAE

Imagem Ilustrativa: Reprodução You Tube PAE


A segunda temporada do Projeto de lives Hora da Educação, da Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia, teve início com uma nova proposta nesta semana. Dessa vez, o secretário da pasta, professor Marcelo Fares, vai bater um papo semanal com secretários de educação de várias cidades brasileiras. O primeiro convidado foi o secretário de Florianópolis, Maurício Fernandes. Eles conversaram sobre os Desafios na Gestão da Educação na Pandemia, na quinta-feira (12). Os encontros acontecem ao vivo, sempre às quintas-feiras, às 18h, no canal do Programa de Aprendizagem Eficiente (PAE) no Youtube (AQUI).


Marcelo visitou a Secretaria de Educação de Florianópolis em 14 de julho, para conhecer, de perto, as intervenções mais relevantes e conversar com profissionais da rede municipal para melhor compreender as ações transformadoras que vêm sendo realizadas naquele município.


"Vamos publicar, nos próximos dias, um edital para manutenção de todas as escolas da nossa rede. Essa semente foi lançada no início deste ano e agora vamos colher os frutos. Estamos fazendo essa travessia difícil, mas com muito entusiasmo. Nosso objetivo é fazer avançar a educação no nosso município. Em julho, fizemos diversas visitas presenciais e virtuais em várias cidades para conhecer as redes que obtiveram sucesso, para ajudar no planejamento e execução da nossa agenda e na melhoria da qualidade do ensino em Campos. Agora estamos recebendo esses mesmos secretários que virão conversar conosco nessas lives semanais", informou Marcelo.


Maurício é professor da Universidade Federal de Santa Catarina e está em seu quinto ano como secretário de educação de Florianópolis (SC). Graduado em Administração, mestre e doutor em Engenharia de Produção, pós-doutor em Administração e pós-doutor em Sociologia Econômica e das Organizações pela Universidade Técnica de Lisboa.

"Quero cumprimentar o Marcelo, que teve uma passagem brilhante no Ministério da Educação, e parabenizar por aceitar esse desafio de voltar a sua cidade para contribuir com as pessoas de Campos. Quero dizer a todos dessa rede de ensino que vocês estão em boas mãos. Marcelo é um cidadão competente e do bem. Ele vai revolucionar a educação de Campos", disse Maurício.

Ele falou sobre sua experiência e citou medidas que garantiram sucesso em sua gestão: "Conhecer profundamente a rede, investir em livros, nos professores, em capacitação, material tecnológico, etc. Além disso, é preciso listar alternativas e escolher uma para executar com convicção. É importante trabalhar e colocar foco naquela ação que você escolheu para investir. Escolher bem e se dedicar àquela escolha, acreditando nela, sem olhar atrás", indicou.

A coordenadora do Programa Saúde na Escola (PSE), Cátia Mello, mediadora das lives, destacou que a proposta do Hora da Educação é promover uma jornada de encontros entre o secretário municipal e os profissionais da rede.


"Na próxima quinta-feira (19), o convidado será o secretário de Educação de Salvador, Marcelo Oliveira. Ele foi prefeito do município de Mata de São João, na região Metropolitana de Salvador por dois mandatos (2013 a 2020). Na administração municipal, também exerceu os cargos de vice-prefeito (de 2009 a 2012) e de secretário da Educação (2007 a 2008), da Saúde (2006 a 2007) e da Administração (2005 a 2007). Ele vai falar sobre Os Desafios da Gestão Educacional de Salvador durante a Pandemia", adiantou.

Em 26 de agosto, a palestrante será a coordenadora geral executiva de Apoio à Política da Educação do Município de Itaperuna, Fabiana França Ferreira. Graduada em Pedagogia, pós-graduada em Gestão da Educação Básica e Docência do Ensino Superior. O tema será: Os desafios da Gestão Educacional de Itaperuna e das avaliações no contexto da pandemia.

A secretária de Macaé, Eliane de Araújo Santos, será a interlocutora do dia 02 de setembro. Ela é pós-graduada em Gestão Escolar, e em Teorias e Práticas Transdisciplinar em Violência: Saúde, Educação e Direito. Graduada em Pedagogia Plena, tem 30 anos de magistério, 21 anos de Rede Pública, 18 anos como Gestora e 9 anos de Rede Particular.

No dia 09 de setembro, será a vez do secretário de Sobral, Francisco Herbert Lima. Professor efetivo Adjunto III da Universidade Federal do Ceará (UFC), ele é doutor na área de pesquisa em Avaliação da Efetividade e do Desempenho da Aprendizagem com Análise Multidimensional e Multilinear, e em Engenharia de Teleinformática.

Reportagem: Kamilla Uhl

4 visualizações